AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DE ENERGIA ELÉTRICA NA INTERCONEXÃO DE MICRORREDES ISOLADAS EXPERIMENTAIS

Autores

  • Luana Oliveira de Albuquerque Universidade Federal do Pará, Grupo de Estudos e Desenvolvimento de Alternativas Energéticas
  • Tales Vinícius Pinheiro da Silva Universidade Federal do Pará, Grupo de Estudos e Desenvolvimento de Alternativas Energéticas
  • Claudomiro Fábio de Oliveira Barbosa Universidade Federal do Pará, Grupo de Estudos e Desenvolvimento de Alternativas Energéticas
  • Wilson Negrão Macêdo Universidade Federal do Pará, Grupo de Estudos e Desenvolvimento de Alternativas Energéticas
  • João Tavares Pinho Universidade Federal do Pará, Grupo de Estudos e Desenvolvimento de Alternativas Energéticas
  • Marcos André Barros Galhardo Universidade Federal do Pará, Grupo de Estudos e Desenvolvimento de Alternativas Energéticas

Resumo

Este trabalho apresenta a avaliação da qualidade do suprimento de energia elétrica na interconexão de duas microrredes isoladas experimentais pertencentes ao Laboratório de Sistemas Híbridos e Microrredes do Grupo de Estudos e Desenvolvimento de Alternativas Energéticas (GEDAE) da Universidade Federal do Pará. A avaliação dos fenômenos monitorados relacionados à qualidade do produto (tensão de suprimento), segundo as diretrizes do Módulo 8 do PRODIST, tomou como base um sistema elétrico cuja configuração reúne conjuntos de geração fotovoltaica no lado c.c. e geração diesel-elétrica no lado c.a., armazenamento de energia em bancos de baterias, condicionamento de potência c.c./c.c. e c.c./c.a (unidirecional e bidirecional), microrredes de distribuição c.a. e c.c. e cargas diversas. De acordo com os resultados obtidos neste estudo, o sistema elétrico implementado apresenta capacidade para atender diversas cargas, respeitando a sua capacidade de produção de energia, sem a deterioração da qualidade da energia elétrica produzida, como, por exemplo, mantendo os valores de tensão eficaz e de desequilíbrio de tensão dentro dos limites normativos. Por sua vez, os distúrbios nos quais foram encontradas disparidades quanto aos limites definidos no Módulo 8 do PRODIST são provenientes de configurações intrínsecas do sistema em análise, implicando, por exemplo, em variação da frequência de suprimento e no fator de potência em diferentes pontos do sistema.

Downloads

Publicado

2021-11-08